O Camião que recolhe o papel/cartão e as embalagens mistura tudo

a a a

 

Se respondeu "Não faria sentido pedirem para separar para voltar a misturar tudo…” PARABÉNS, acertou na resposta correta!!

Uma dúvida muito comum colocada pelos munícipes é a questão da mistura dos materiais. Muitas vezes, há a ideia errada que o papel/cartão e as embalagens são todos misturados na viatura que as recolhe. Há também a ideia de que muitas vezes, os materiais recicláveis são misturados com os resíduos indiferenciados, vulgo "lixo”, o que também é uma ideia totalmente errada. Tentamos por isso desmistificar esta ideia, conforme a explicação que se segue:

A recolha dos materiais recicláveis colocados nos ecopontos existentes na via pública é feita com viaturas apropriadas (de grua, normalmente) e que não estão, de todo, adaptadas à recolha de contentores para resíduos indiferenciados (os comuns contentores verdes de 4 rodas existentes nas nossas ruas para a deposição do "lixo” indiferenciado; neste caso, a recolha é feita com o recurso a viaturas de basculamento e compactação traseira).

Caso os ecopontos sejam do tipo enterrado (vulgares "molocks”), a recolha dos materiais é feita com viaturas também de grua; efetivamente, neste caso a recolha tem semelhanças com os molocks para os "lixos” indiferenciados, mas somente no tipo de viatura.

Todos os materiais recicláveis recolhidos quer através dos ecopontos de via pública, quer através dos molocks-ecopontos são encaminhados para o Centro de Triagem da Lipor, em viaturas e circuitos específicos, não havendo qualquer mistura de materiais (exceto aquela que, indevidamente por falta de conhecimento ou desleixo, é feita pelos munícipes);

Todas as cargas provenientes dos ecopontos são inspecionadas, uma vez que o Centro de Triagem da Lipor se encontra certificado, quer pelas normas de Qualidade, Ambiente e Segurança.

No caso dos "lixos” indiferenciados que são encaminhados para a Lipor II (Central Valorização Energética), a situação é em tudo semelhante ao descrito para o Centro de Triagem, uma vez que a unidade está também certificada pelas normas de Qualidade, Ambiente e Segurança.

Assim, assegurarmos que os materiais recicláveis que são depositados nos ecopontos seguem o destino adequado (Centro de Triagem da Lipor), não sendo misturados, numa mesma viatura, com os resíduos indiferenciados; eventualmente, e por uma questão de otimização, existem viaturas que recolhem 2 fluxos de recicláveis – Camiões Bifluxo (ex: papel e embalagens), mas mesmo nesta situação, os materiais seguem em compartimentos distintos, uma vez que a descarga no Centro de Triagem é feita em locais separados.

Por último, a deposição dos resíduos recicláveis deve ser feita sempre nos ecopontos (ou utilizando circuitos específicos, tipo porta-a-porta), pois caso os resíduos, ainda que devidamente separados, sejam colocados junto dos contentores (muitas vezes ao lado dos contentores para "lixos” indiferenciados), efetivamente poderão ser recolhidos como "lixo” comum, pois, conforme referido anteriormente, o tipo de viatura utilizada (grua) não permite recolher os resíduos que se encontrem fora dos ecopontos.


voltar
Locais de deposição
Encontre o local mais perto de si para depositar seus resíduos.
Ecopontos
Ecocentros